“Graças a Deus!”

Tutty Vasques

31 Maio 2009 | 00h15

Roberto D’Ávila está aliviado. Não contou nem para sua namorada, a ministra Ellen Gracie, mas há meses andava pelo Rio agoniado com a possibilidade de ter que se mudar para Genebra caso ela conquistasse a vaga para a qual foi indicada na Organização Mundial do Comércio.

O jornalista não troca a pérgula do Copacabana Palace por nada nesse mundo.