Homoaliados

Tutty Vasques

10 de julho de 2012 | 19h21

Não pergunte ao advogado do goleiro Bruno que interpretação ele faria daquele bilhete que o deputado Cândido Vaccarezza escreveu para o governador Sérgio Cabral (“Não se preocupe, você é nosso e nós somos teu!” – lembra?)

O “doutor”, como se sabe, só pensa naquilo!