Impróprio para menores

Tutty Vasques

01 Novembro 2011 | 06h47

ilustração pojucanConsagrada na atual turnê da dupla Zezé Di Camargo e Luciano, a chamada “evasão de privacidade” está de volta à parada de sucessos em alto estilo, estabelecendo novo paradigma do gênero nas revistas de celebridades.

Sem ninguém a lhes bisbilhotar a vida, os dois filhos de Francisco subiram ao palco em Curitiba para anunciar que estão se separando – ou não! – por motivos que vão de “briga de irmãos” a overdose do diurético que o mais gordinho toma pra emagrecer.

O povo ficou ainda mais confuso quando, pela porta que escancarou a intimidade dos artistas, teve jornalista – ô, raça! – que teria visto uma baita de uma morena, amante de um reprovada pelo outro, versão que a dupla promete responder com pedido de retratação na Justiça.

Em defesa da imprensa especializada na vida alheia pode-se evocar a Terceira Lei de Newton sobre privacidade: “A toda evasão corresponde uma invasão oposta de igual intensidade!”

Mas, seja lá o que, de fato, estiver acontecendo com esses rapazes, o cineasta Breno Silveira tem pela frente o desafio de produzir ‘Dois Filhos de Francisco 2’, a continuação da história de Zezé Di Camargo e Luciano, mantendo a classificação etária “livre” do primeiro filme.