Muy amiga

Tutty Vasques

02 Agosto 2011 | 10h58

reproduçãoMarqueteiros da Casa Rosada creditaram a Dilma Rousseff o chocolate que o candidato de Cristina Kirchner tomou da oposição nas eleições de Buenos Aires.

O encontro de véspera com a colega brasileira, em Brasília, teria dado azar à presidente argentina nas urnas.