Não para, não para, não para…