Neca não é de pitibiriba!

Tutty Vasques

13 de setembro de 2014 | 06h40

ILUSTRAÇÃO POJUCANAfora a Neca Setúbal, coordenadora do programa de governo de Marina Silva, o banco Itaú jura que não deu ‘neca de pitibiriba’ à candidata. Neca, ensina o Houaiss, não quer dizer nada, absolutamente nada, “coisa alguma”, vem do latim ‘nec’ (não, nem). Pitibiriba não está no dicionário, mas na informalidade do Google é definido como bagatela, mixaria, titica, zero, bulhufas, o que não existe. Enfim, neca de pitibiriba é uma expressão brasileira inventada por não se sabe quem e nem onde com o significado de migalhice, droga nenhuma ou, para ser mais preciso, nadica de nada!

Neca, de Maria Alice Setúbal, vem do apelido ‘Boneca’, única menina entre sete herdeiros do Itaú, ou seja, não tem nada a ver com pitibiriba, mesmo vivendo afastada dos negócios da família. Dilma acha que Neca se faz de pitibiriba para esconder os interesses dos banqueiros por trás da candidatura Marina. O nada absoluto, rotundo, tem sido a tônica da campanha.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: