Ninguém é perfeito

Tutty Vasques

13 Agosto 2009 | 00h18

O presidente Lula tem bons motivos para não comentar nem com seus assessores mais próximos a última capa da Playboy:

quem tem língua presa sabe a dificuldade que é dizer “o piercing da Priscila” em público.