O ópio dos espanhóis!

Tutty Vasques

22 de dezembro de 2011 | 06h28

ilustração pojucanO futebol é mesmo o ópio do povo! Veja só o caso dos espanhóis, coitados: vivem num país mergulhado em estagnação econômica, altos índices de desemprego, dívida pública exorbitante, histeria do mercado financeiro, cortes na Seguridade Social, achatamento salarial e, no entanto, só se fala nas ruas do banho de bola do Barcelona na final do Mundial de Clubes no Japão.

Ninguém por lá dá mais a menor bola nem para o escândalo do envolvimento do genro do Rei Juan Carlos em desvio de dinheiro público. Os jornais só falam em ‘los mejores del mundo’, ‘de otro mundo’, ‘el mayor espetáculo del mundo’, ‘el rey del mundo’, enfim, ‘los hermanos’ vivem um certo clima de escapismo que durante muitos anos prevaleceu por aqui. ‘Arriba, Espanha!’

Já foi ‘pra frente Brasil’ no tempo em que Pelé era o Messi da vez. Éramos respeitados no mundo como “o país do futebol” e, não por acaso, nossa economia era na época uma piada ainda maior que a lambança financeira em curso na Espanha.

Nada contra, feliz do país quebrado economicamente que tem futebol de ponta para dar alguma alegria a seu povo. Quem já passou por isso sabe: a espanholada tem mais que festejar 2011!