Ô, raça!

Tutty Vasques

11 de setembro de 2010 | 20h30

Barack Obama abriu um precedente perigoso ao dar atenção ao pastor evangélico Terry Jones.

Corre o risco de virar refém de qualquer maluco americano que ameaçar tocar fogo no Alcorão.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: