Onde está a Mônica?

Tutty Vasques

14 de novembro de 2013 | 02h34

reproduçãoJornalismo é coisa séria, mas, cá pra nós, nenhum absurdo que a imprensa invente estará muito longe da verdade, tal a quantidade de maluquices no noticiário. Tentei aqui dia desses fazer piada com um suposto flagrante de assédio sexual à estátua da Mônica da Avenida Paulista e, soube-se depois, a polícia investigava algo até mais grave: o sequestro da réplica da Mônica da Rua Oscar Freire.

Não gosto nem de pensar o que pode ainda acontecer com algumas das 50 Mônicas dando mole madrugadas adentro nas ruas de São Paulo para celebrar os 50 anos da personagem de Maurício de Souza. Pelo menos duas delas já amanheceram pichadas e periga a que foi raptada nos Jardins reaparecer perambulando na Cracolândia ou enterrada nos jardins da mansão de Chiquinho Scarpa, sei lá!

Corre nas redes sociais o boato de que pelo menos cinco dessas boneconas de 1,60m ganharão indumentária black bloc na próxima grande manifestação de rua em SP.

Enfim, melhor aguardar os acontecimentos.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.