Ossos do ofício

Tutty Vasques

06 de agosto de 2010 | 00h37

É dura a vida de advogado!

Michel Assef Filho, por exemplo, escapou do noticiário do caso Bruno quando o Flamengo retirou a defesa do goleiro, mas reapareceu agora na mídia com outro cliente duro de roer:

Dado Dolabella, condenado pela agressão a Luana Piovani.

Enfim, quem manda seguir os passos do pai, né?

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.