Papo cabeça

Tutty Vasques

13 Fevereiro 2013 | 02h33

Se é mesmo verdade que Bento XVI tomou a decisão de renunciar após viagem a Cuba, em março de 2012, precisa ver se não contribuiu para isso a pergunta que Fidel Castro fez ao visitante durante encontro em Havana:

“O que faz um papa?”