Patrícia Poeta nunca mais!

Patrícia Poeta nunca mais!

Tutty Vasques

17 de maio de 2009 | 09h28

ILUSTRAÇÃO POJUCAN

Claro que o Galvão Bueno não vai chamá-lo de gordo balofo de uma hora para outra – a Globo não chegou a lhe pedir sequer que passe a economizar nos erres ao narrar gols do Rrrrronaldo. É certo, porém, que o novo garoto-propaganda do SBT não terá mais colher de chá na Vênus Platinada. A emissora e o Fenômeno não são mais, digamos assim, bem amigos.

Comenta-se nos estúdios do Jardim Botânico que, ao assinar contrato com Silvio Santos, Ronaldo fez com a TV Globo mais ou menos o que já havia aprontado com o Flamengo quando se transferiu para o Corinthians, trocando o Rio por São Paulo. A diferença é que a Raça Rubro-Negra pode xingar à vontade o Fenômeno na praia do Imperador. A Globo, numa tremenda saia justa, não tem nem como ignorá-lo em suas transmissões – pelo menos não enquanto o cara continuar comendo a bola.

Ele que continue assim, pois tudo indica que, na primeira vacilada que der, ainda que fora de campo, não terá mais o colo da Patrícia Poeta no ‘Fantástico’.

Texto publicado na coluna ‘Ambulatório da Notícia’ deste domingo no ‘Estadão’.