Pijama de pobre

Pijama de pobre

Tutty Vasques

11 de novembro de 2008 | 23h25

reprodução

O comércio popular de São Paulo estuda ação contra Celso Pitta.

O ex-prefeito pede na Justiça indenização de R$ 830 mil, alegando que virou piada por causa dos trajes que vestia ao ser preso em julho:

“Cansei de ouvir dizer que meu pijama foi comprado na Rua 25 de Março.”

E daí? Qual é a graça? – questionam os comerciantes.