PMDBBB: prova do líder

Tutty Vasques

12 de março de 2014 | 00h04

ilustração pojucanDá até pra desconfiar que para ser líder no Congresso o político passa por uma daquelas gincanas ridículas comandadas pelo Pedro Bial no ‘Big Brother Brasil’. A liderança da Casa no reality show da Globo é decidida em provas de resistência física, raciocínio elementar ou pura sorte.

Dia desses, por exemplo, uma ‘sister’ virou líder ao escolher entre várias chaves a única que daria partida no carro estacionado no jardim. Teve outra que conquistou os poderes e mordomias do cargo suportando por mais tempo ficar sentada num dragão chinês com reflexos de touro mecânico. Houve também quem chegou lá pela dificuldade dos demais para separar palavras em sílabas.

Sabe Deus como o deputado Eduardo Cunha se consagrou líder de seu partido na Câmara, mas, se valer para o PMDB as mesmas regras do BBB, ele não só está imune ao paredão, como tem a prerrogativa de indicar alguém para eliminação pelo voto popular. A presidente Dilma que abra o olho!

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.