Ah, que delícia de convalescença!

Tutty Vasques

02 Agosto 2014 | 06h02

reproduçãoSe todo mundo que se machucasse tivesse a vida do Neymar depois da fratura na terceira vértebra, ia ter gente por aí atravessando a rua de olhos fechados na expectativa de uma trombada por trás, mais ou menos como aquela do colombiano sem freio que atropelou o craque pelas costas na Copa.

Depois de amanhã faz 1 mês que Neymar saiu de campo de maca e, de lá pra cá, o namorado da Bruna Marquezine viajou mais que a maioria dos brasileiros na última década! Foi de maca de Fortaleza ao Guarujá com escala em Teresópolis, assistiu do banco de reservas em Brasília à despedida do Brasil contra a Holanda, visitou os amigos na Vila Belmiro, em Santos, passeou de lancha em Ibiza, na Espanha, onde conheceu uma DJ de Fortaleza no show de David Guetta e, quando todo mundo achava que já estivesse de repouso em Barcelona, reapareceu dia desses gravando propaganda de colchões em Tóquio.

Já viu alguém passar o momento mais traumático de sua vida desse jeito?