Ritual democrático

Tutty Vasques

10 de outubro de 2012 | 02h58

Se macumba ganhasse eleição, o segundo turno em Salvador seria decidido nas encruzilhadas.

Os terreiros de candomblé da cidade não estão mais aceitando pedidos de trabalhos até depois das eleições.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: