Tira-teima

Tutty Vasques

06 Fevereiro 2014 | 13h02

Em campanha no Congresso para a presidência da Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados, Jair Bolsonaro sabe que, se eleito for, não terá como evitar comparações com a gestão de seu antecessor, Marco Feliciano.

Que vença o pior! – é o que os dois esperam da concorrência!