Vândalos são os outros!

Tutty Vasques

29 de agosto de 2013 | 00h03

ilustração pojucanOs chamados ‘black blocs’ de São Paulo já ameaçam partir para o confronto com a turma da Gaviões da Fiel. Acusam a torcida organizada do Corinthians de tentar desmoralizar o vandalismo.

“Podiam ao menos cobrir o rosto quando forem bater na polícia!” – queixou-se dia desses na Mídia Ninja um mascarado famoso por sua pontaria contra alvos fardados em protestos na ‘pauliceia desvairada’.

Fúria por fúria, convenhamos, a das torcidas organizadas se destaca essencialmente pelo caráter bestial de seus atos de selvageria gratuita até para quem segue os padrões desengajados de atuação do anarquismo de rua.

Bando de louco por bando de louco, francamente, o da Gaviões da Fiel parece insuperável em matéria de estratégia condenável de luta, mas convém aos ‘black blocs’ encontrarem um jeito inteligente de evitar a generalização do badernismo juramentado. Se partirem para o conflito direto com os manos, vão apanhar um bocado, né não?

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: