Imóveis de temporada para pessoas com deficiência

Imóveis de temporada para pessoas com deficiência

O crescente entendimento do que significa ter uma deficiência e a percepção que essa condição não é uma sentença final têm ampliado possibilidades.

Luiz Alexandre Souza Ventura

12 Março 2015 | 14h32

Curta Facebook.com/VencerLimites
Siga @LexVentura
Mande mensagem para blogvencerlimites@gmail.com
O que você precisa saber sobre pessoas com deficiência

Casa em Florianópolis (SC) foi reformada para receber usuários de cadeira de rodas. Foto: Divulgação

Casa em Florianópolis (SC) foi reformada para receber usuários de cadeira de rodas. Foto: Divulgação

O mercado imobiliário, felizmente, já entendeu que pessoas com deficiência formam um público ativo. É gente de trabalha, gera renda e, desta forma, tem interesse em usufruir de mais opções quando pensa em viajar. Neste sentido, proprietários de imóveis voltados especificamente para aluguel por temporada têm investido na instalação de recursos de acessibilidade.

Ainda há muito foco em usuários de cadeiras de rodas (como se toda pessoa com deficiência precisasse de uma) e pouco pensamento em pessoas com deficiência visual ou auditiva, mas trata-se de uma percepção, mesmo que tardia, de que a característica individual e a condição específica não podem ser uma sentença de cárcere na própria casa.

Um exemplo desse avanço é apresentado pela AlugueTemporada, que mantém um estoque de 25 mil imóveis no Brasil, com 6.500 adaptados para pessoas que usam cadeira de rodas. Em Florianópolis (SC), o estopim da mudança em uma casa, em Jurerê, surgiu da experiência do proprietário. Walter Miguel tem um filho com deficiência física e, a partir dessa rotina de adaptações, decidiu ampliar as possibilidades no imóvel, com instalação de rampas desde a calçada, mudança na altura das janelas, aumento da largura das portas internas, móveis planejados e degraus na piscina.

Mais conteúdo sobre:

Acessibilidade