Aplicativo para pessoas com deficiência visual leva acessibilidade a compras com cartão

Aplicativo para pessoas com deficiência visual leva acessibilidade a compras com cartão

Software instalado no smartphone transfere para áudio as informações da máquina eletrônica usada por entregadores e estabelecimentos comerciais. App é gratuito e chega às lojas virtuais até dezembro. Projeto ganhou prêmio do Instituto Oi Futuro.

Luiz Alexandre Souza Ventura

01 de outubro de 2020 | 12h13

Use 26 recursos de acessibilidade digital com a solução da EqualWeb clicando no ícone redondo e flutuante, ouça o texto completo com Audima no player acima, acione a tradução em Libras com Hand Talk no botão azul à esquerda ou acompanhe o vídeo no final da matéria produzido pela Helpvox com a interpretação na Língua Brasileira de Sinais.


Descrição da imagem #pracegover: Mão masculina segura um smartphone que tem na tela a logomarca do aplicativo RayPay. Crédito: Divulgação.

Descrição da imagem #pracegover: Mão masculina segura um smartphone que tem na tela a logomarca do aplicativo RayPay. Crédito: Divulgação.


Chega às lojas virtuais (Google Play e Apple Store) até dezembro um aplicativo de acessibilidade em pagamentos com máquinas de cartão para pessoas cegas, com baixa visão ou outras deficiências visuais.

RayPay, app gratuito que o usuário instala no smartphone, transfere para áudio as informações contidas no QR code, como valor da compra, tipo de cartão (débito ou crédito) e possibilidades de parcelamento, visualizadas na tela da maquininha usada em estabelecimentos comerciais e também por entregadores.

O projeto desenvolvido no Rio de Janeiro por Nilo Sheeny, empreendedor de 38 anos, e mais cinco pessoas, começou a ganhar forma no ano passado com a participação do grupo em um programa de aceleração do Instituto Oi Futuro.

Foram seis meses de trabalho até a inscrição no Labora + Sebrae, iniciativa do Oi Futuro com o Sebrae RJ para fortalecer o empreendedorismo de impacto social e colocar a tecnologia a serviço da inclusão, da diversidade e da sustentabilidade. A primeira edição impulsionou 13 startups. O projeto RayPay ficou entre os três melhores.

Para saber mais, acesse a página do programa Labora + Sebrae (clique aqui).





Vídeo produzido pela Helpvox com a versão da reportagem na Língua Brasileira de Sinais.

Para receber as reportagens do #blogVencerLimites no Whatsapp, mande ‘VENCER LIMITES’ para +5511976116558 e inclua o número nos seus contatos. Se quiser receber no Telegram, acesse t.me/blogVencerLimites.



Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: