Arquiteta cria totem universal de álcool em gel

AO VIVO

Acompanhe notícias do coronavírus em tempo real

Arquiteta cria totem universal de álcool em gel

Mecanismo pode ser usado por pessoas com e sem deficiência. Acionamento é automático, não exige toque em nenhum ponto do dispositivo ou uso de pedal. Vídeo mostra como funciona o equipamento lançado nesta semana. Especialista em produção de expositores para o varejo, Claudia Taitelbaum mudou a diretriz de sua empresa para se adaptar à crise durante a pandemia de covid-19, conseguiu manter a fábrica ativa, evitou demissões e contratou novos funcionários.

Luiz Alexandre Souza Ventura

09 de julho de 2020 | 11h38


Ouça essa reportagem com Audima no player acima ou acompanhe a tradução em Libras com Hand Talk no botão azul à esquerda.


Descrição da imagem #pracegover: Homem em cadeira de rodas coloca a mão direita no círculo que aciona um dispensador automático de álcool em gel. O círculo tem uma iluminação. O homem usa uma máscara transparente de proteção. Crédito: Divulgação.


A arquiteta e empresária Claudia Taitelbaum criou um totem de álcool em gel que pode ser usado por pessoas com e sem deficiência. O dispositivo elaborado com base no conceito do desenho universal, lançado nesta semana, foi testado e aprovado por usuários em cadeiras de rodas e outras restrições de mobilidade.

O equipamento é produzido em MDF (Medium-Density Fiberboard), uma placa de fibra de madeira de média densidade, tem um círculo com acionamento automático por sensor e um dispensador que derrama a quantidade necessária do álcool para higienização das mãos. O totem tem 1,1m de altura.

A principal característica do dispositivo é que o usuário não precisa encostar em nenhum ponto do equipamento. Com a pandemia da covid-19 e as medidas de prevenção ao coronavírus, estabelecimentos comerciais, prédios públicos e privados que estão abertos colocam na entrada frascos de álcool em gel ou torres com o produto que exigem acionamento de pedal. Essa configuração torna o mecanismo inacessível para quem é paraplégico, tetraplégico, tem membro inferior amputado, usa cadeira de rodas por ter dificuldades de mobilidade nas pernas e nos pés ou cria dificuldades para pessoas com problemas de equilíbrio.



Descrição do vídeo #pracegover: Homem em cadeira de rodas coloca a mão direita no círculo que aciona um dispensador automático de álcool em gel. O círculo tem uma iluminação. O homem usa uma máscara transparente de proteção. Crédito: Divulgação.

Claudia Taitelbaum é uma das principais referências na criação e produção de expositores para o varejo. Durante a pandemia, sua empresa, Exhimia, já produziu, comercializou e doou 30 mil máscaras de proteção facial com visor, além de totens de álcool gel e mais de mil barreiras de proteção para supermercados, hospitais, shoppings e outras empresas.

“O impacto em nosso negócio foi imediato. Com o comércio fechado, lançamentos cancelados e nossos clientes sem verba em virtude das perdas financeiras, perdemos muito de nosso faturamento. Parte dos pagamentos foi protelado, o que acabou nos fazendo repensar estratégias”, diz a empresária.

“Começamos a receber pedidos de orçamento de máscaras com elásticos ou espumas e substratos moles, o que não me agradava”, comenta Claudia. A partir dessa demanda, sua equipe de engenheiros desenvolveu um modelo de máscara de proteção facial com visor ideal, a chamada face shield, feita de PETG, material mais grosso e superior ao acetato ou PVC, com 0.7 milímetros de espessura, acima do mínimo recomendado pela Anvisa (0.5 milímetros), mecanismo ‘sobe-desce’ articulado e três tamanhos (adultos, infantil e bebês).
 
Em março, o orçamento total da Exhimia destinado para os produtos de combate à covid-19 representava 13%. Em junho, saltou para 72%. Com a guinada na diretriz da empresa, a arquiteta conseguiu manter a fábrica ativa, evitou demissões e contratou novos funcionários.

____________________________________________

Para receber as reportagens do #blogVencerLimites no Whatsapp, mande ‘VENCER LIMITES’ para +5511976116558 e inclua o número nos seus contatos. Se quiser receber no Telegram, acesse t.me/blogVencerLimites.

VencerLimites.com.br é um espaço de notícias sobre o universo das pessoas com deficiência integrado ao portal Estadão. Nosso conteúdo também está acessível em Libras, com a solução Hand Talk, e áudio, com a ferramenta Audima.

Todas as informações publicadas no blog, nas nossas redes sociais, enviadas pelo Whatsapp ou Telegram são produzidas e publicadas após checagem e comprovação. Compartilhe apenas informação de qualidade e jamais fortaleça as ‘fake news’. Se tiver dúvidas, verifique.

Mande mensagem, crítica ou sugestão para blogVencerLimites@gmail.com. E acompanhe o #blogVencerLimites nas redes sociais:
Facebook.com/VencerLimites
Twitter.com/VencerLimitesBR
Instagram.com/blogVencerLimites

____________________________________________

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: