Arte e dignidade

Arte e dignidade

Gonçalo Borges pinta com a boca e os pés. Mostrou talento para as artes plásticas ainda criança, após ser rejeitado por diversas escolas e acolhido em um centro de reabilitação da AACD, apesar de não precisar de nenhum tratamento. Com mais de meio século de carreira e diversos prêmios, já participou de dezenas de mostras no Brasil e representou o País em eventos internacionais. Uma parte de seu trabalho está exposta em São Paulo.

Luiz Alexandre Souza Ventura

11 de outubro de 2019 | 12h42


Ouça essa reportagem com Audima no player acima ou acompanhe a tradução em Libras com Hand Talk no botão azul à esquerda.


Descrição da imagem #pracegover: Foto de Gonçalo Borges segurando um pincel com a boca e colocando sobre uma palheta de tintas coloridas. Está sentado em frente a uma mesa com papéis diversos que têm desenhos e pinturas. O artista tem 67 anos, é careca, usa óculos e veste uma camisa branca. Crédito: Divulgação.


Pinturas com a boca em aquarelas, guaches, lápis de cor aquarelados, óleo e acrílica. E com os pés, em acrílica e óleo, utilizando a espátula. A arte de Gonçalo Borges, 67 anos, está exposta no Espaço de Cultura do Central Plaza Shopping, em São Paulo.

É uma exposição mista de pintura em tela e cerâmica, com curadoria de Samir Chelala e Waldirene Chelala, da Academia Brasileira de Ciências, Artes, História e Literatura (ABRASCI), e suporte da Associação dos Pintores com a Boca e os Pés (APBP).

Nascido em 8 de janeiro de 1952 na cidade de Novo Horizonte (SP), Gonçalo Borges começou a mostrar seu talento ainda criança, em 1958, depois de ser rejeitado por diversas escolas públicas e particulares. Os primeiros trabalhos foram com tinta guache e aquarela, enquanto cursava o primeiro grau na Associação de Assistência a Criança Deficiente (AACD), em São Paulo, onde funciona até hoje um centro de reabilitação para pessoas com deficiência.



O artista tem deficiências no dois braços, mas não precisava de nenhum tratamento e demonstrava, já naquela época, grande habilidade para escrever com os pés e com a boca. Foi durante sua formação na AACD que recebeu o primeiro prêmio internacional, concedido pela Organização das Nações Unidas (ONU) pela ilustração que criou para uma campanha educativa sobre o trânsito e os perigos dos balões.

SERVIÇO:
Evento: Exposição ‘Diversidade da Arte’
Artista: Gonçalo Borges – pintor com a boca e os pés
Local: Espaço de Cultura do Central Plaza Shopping
Endereço: Avenida Doutor Francisco Mesquita, nº 1.000, Vila Prudente, São Paulo (acesso pela estação Tamanduateí do Metrô)
Data: Até 11 de novembro de 2019
Horário: Segunda à sábado (10h às 22h) – domingos e feriados (14h às 20h)
Informações: SAC: 0800-774-7083 – (11) 2066-4422 – (11) 97448-3456 (Whatsapp)



Em 1967, após muita persistência de sua mãe, Gonçalo Borges começou o ensino médio no Colégio Estadual Nossa Senhora da Penha. Dois anos depois, ingressou como bolsista na Associação dos Pintores com a Boca e os Pés (APBP), da qual faz parte até hoje e tem várias obras publicadas em cartões de Natal e calendários.

Concluiu o segundo grau em 1972 no Colégio Estadual Penha de França, um ano depois de iniciar o curso desenho e pintura em aquarela na Escola Paulista de Belas Artes. Formou-se artista plástico, artesão e desenhista na Escola de Desenho e Pintura Cesar Sarau na Faculdade de Belas Artes de São Paulo e na Faculdade Marcelo Tupinambá, além de concluir uma pós-Graduação em Propaganda e Marketing na Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM).

Para receber nossas notícias direto em seu smartphone, basta incluir o número (11) 97611-6558 nos contatos e mandar a frase ‘VencerLimites’ pelo Whatsapp. VencerLimites.com.br é um espaço de notícias sobre o universo das pessoas com deficiência integrado ao portal Estadão. Nosso conteúdo também está acessível em Libras, com a solução Hand Talk, e áudio, com a ferramenta Audima. Todas as informações publicadas no blog, nas nossas redes sociais e enviadas pelo Whatsapp são verdadeiras, produzidas e divulgadas após checagem e comprovação. Compartilhe apenas informação de qualidade e jamais fortaleça as ‘fake news’. Se tiver dúvidas, verifique.


Mande mensagem, crítica ou sugestão para blogVencerLimites@gmail.com

Acompanhe o #blogVencerLimites nas redes sociais

Facebook Twitter Instagram LinkedIn YouTube


Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: