Brinquedos acessíveis em Vitória

Brinquedos acessíveis em Vitória

Município terá equipamentos em 21 locais ainda neste ano. Projeto foi inaugurado no Parque do Moscoso (o mais antigo da cidade, inaugurado em 1912). Kits com carrossel, gangorra, balanço vaivém e balanço adaptado têm custo total de R$ 1,3 milhão, pagos com recursos da Prefeitura.

Luiz Alexandre Souza Ventura

26 de março de 2019 | 18h05

IMAGEM 01: Município terá equipamentos em 21 locais ainda neste ano. Projeto foi inaugurado no Parque do Moscoso (o mais antigo da cidade, inaugurado em 1912). Kits com carrossel, gangorra, balanço vaivém e balanço adaptado têm custo total de R$ 1,3 milhão, pagos com recursos da Prefeitura. Descrição #pracegover: Duas crianças, um menino e uma menina, brincam em um balanço adaptado. O menino está sentado na cadeira de rodas. Crédito: Diego Alves / Prefeitura de Vitória.


A inclusão de crianças com deficiência na atividade mais comum da infância – brincar – começa a ganhar forma em Vitória (ES). Um projeto da Prefeitura prevê a instalação de brinquedos acessíveis em 21 locais diferentes da cidade até o fim deste ano.

A iniciativa da a Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (Semesp) teve partida em 20 de março, no Parque do Moscoso, região central da cidade, o mais antigo da cidade, inaugurado em 1912, que fica aberto de terça-feira a domingo, das 5h às 22h.



Já está concluída a instalação no Centro Esportivo Tancredo de Almeida Neves (Tancredão), com previsão de liberação ao público nesta sexta-feira, 29. Os próximos pontos serão indicados pelo Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência.

Os 21 kits de brinquedos – carrossel, gangorra, balanço vaivém e balanço adaptado – são fabricados pela empresa Inclusive Construção e Distribuição, ao custo total de R$ 1,3 milhão, pagos com recursos da Prefeitura.






Para receber nossas notícias direto em seu smartphone, basta incluir o número (11) 97611-6558 nos contatos e mandar a frase ‘VencerLimites’ pelo Whatsapp. VencerLimites.com.br é um espaço de notícias sobre o universo das pessoas com deficiência integrado ao portal Estadão. Nosso conteúdo também está acessível em Libras, com a solução Hand Talk, e áudio, com a ferramenta Audima. Todas as informações publicadas no blog, nas nossas redes sociais e enviadas pelo Whatsapp são verdadeiras, produzidas e divulgadas após checagem e comprovação. Compartilhe apenas informação de qualidade e jamais fortaleça as ‘fake news’. Se tiver dúvidas, verifique.


Mande mensagem, crítica ou sugestão para blogVencerLimites@gmail.com

Acompanhe o #blogVencerLimites nas redes sociais

Facebook Twitter Instagram LinkedIn Google+ YouTube


Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.