Campanha da OAB SP usa o futebol para defender a inclusão

Campanha da OAB SP usa o futebol para defender a inclusão

Atletas paralímpicos serão homenageados nesta quarta-feira, 21, Dia Nacional de Luta das Pessoas com Deficiência. Ação envolve os principais times brasileiros e promove o respeito à Lei Brasileira de Inclusão.

Luiz Alexandre Souza Ventura

20 de setembro de 2016 | 11h03

Uma campanha liderada pela Ordem dos Advogados Seção São Paulo (OAB SP) aproveita o sucesso dos Jogos Paralímpicos Rio 2016 e lança mão do esporte mais amado no Brasil, o futebol, para promover a inclusão de pessoas com deficiência.

A ação ‘Inclusão+’ alerta para o respeito e cumprimento da Lei Brasileira de Inclusão das Pessoas com Deficiência (nº 13.146/2015), além de incentivar o uso do serviço de atendimento telefônico 181 para denúncias contra o preconceito e exclusão, práticas consideradas criminosas pela LBI.

Nesta quarta-feira, 21, Dia Nacional de Luta das Pessoas com Deficiência, atletas paralímpicos brasileiros receberão uma homenagem na sede da OAB SP.

Peças com a mensagem ‘INCLUSÃO+ Com mais respeito à pessoa com deficiência, vamos fazer um Brasil mais justo’ serão apresentadas nos estádios. No último sábado, 17, Marcos da Costa, presidente da OAB SP, entrou em campo na Arena Corinthians carregando a faixa da campanha.

Criada pela Agnelo Comunicação, a ação tem apoio da Confederação Brasileira do Futebol (CBF) e da Federação Paulista de Futebol (FPF), e vai envolver vários times, como São Paulo e Santos.

“Os Jogos Paralímpicos criaram um ambiente para a sociedade ampliar seu conhecimento sobre o universo da pessoa com deficiência, discutir e cobrar políticas públicas que favoreçam a acessibilidade e a inclusão”, diz o presidente da OAB SP.