Corpo em movimento para as pessoas com deficiência

Corpo em movimento para as pessoas com deficiência

'Corrida e Caminhada pela Inclusão' organizada pelo Instituto Olga Kos neste domingo, 25 de março, em São Paulo, marca o Dia Internacional da Síndrome de Down, celebrado nesta quarta-feira, 21/3. Participantes terão acesso gratuito ao Museu do Futebol. Inscrições ainda estão abertas.

Luiz Alexandre Souza Ventura

20 Março 2018 | 18h09

IMAGEM 01: 'Corrida e Caminhada pela Inclusão' organizada pelo Instituto Olga Kos neste domingo, 25 de março, em São Paulo, marca o Dia Internacional da Síndrome de Down, celebrado nesta quarta-feira, 21/3. Participantes terão acesso gratuito ao Museu do Futebol. Inscrições ainda estão abertas. LEGENDA PARA CEGO VER: Foto dupla. Do lado esquerdo, o convite para a 'Corrida e Caminhada pela Inclusão'. Do lado direito, imagem do evento no ano passado, com várias pessoas na largada da corrida, com o Estádio do Pacaembu ao fundo. Clique na imagem para acessar a página de inscrição. Crédito da foto: Divulgação

IMAGEM 01: ‘Corrida e Caminhada pela Inclusão’ organizada pelo Instituto Olga Kos neste domingo, 25 de março, em São Paulo, marca o Dia Internacional da Síndrome de Down, celebrado nesta quarta-feira, 21/3. Participantes terão acesso gratuito ao Museu do Futebol. Inscrições ainda estão abertas. LEGENDA PARA CEGO VER: Foto dupla. Do lado esquerdo, o convite para a ‘Corrida e Caminhada pela Inclusão’. Do lado direito, imagem do evento no ano passado, com várias pessoas na largada da corrida, com o Estádio do Pacaembu ao fundo. Clique na imagem para acessar a página de inscrição. Crédito da foto: Divulgação


O Brasil tem aproximadamente 300 mil cidadãos com síndrome de Down, 30 mil em São Paulo, segundo informações do Instituto Olga Kos de Inclusão Cultural (IOK). Não é uma doença, mas uma condição causada pela trissomia do cromossomo 21 (presença de três cromossomos de tipo específico no organismo).

É a ocorrência genética mais comum no mundo, registrada uma vez para cada 700 nascimentos. Não há nenhuma relação com etnia, país, religião ou condição econômica.

Nesta quarta-feira, 21 de março (21/3), é celebrado o Dia Internacional da Síndrome de Down, proposto pela Down Syndrome International em alusão à trissomia do 21.

Para celebrar a data, o Instituto Olga Kos promove neste domingo, 25 de março, a ‘Corrida e Caminhada pela Inclusão’, com largada prevista para 7h na Praça Charles Miller, em frente ao Estádio do Pacaembu, em São Paulo.


IMAGEM 02: Todos os inscritos recebem camiseta, isotônico, squeeze, toalha, sacola, livro de arte e kit da corrida anterior. LEGENDA PARA CEGO VER: Foto dupla. Do lado esquerdo, informações sobre a retirada dos kits no Shopping West Plaza, que fica na Avenida Francisco Matarazzo, em São Paulo, entre os dias 21 e 24 de março, das 11h às 21h. Do lado direito, imagens ilustrativas de camiseta, mochila, livro, squeeze, isotônico e outros brindes. Clique na imagem para saber mais detalhes. Crédito da foto: Divulgação

IMAGEM 02: Todos os inscritos recebem camiseta, isotônico, squeeze, toalha, sacola, livro de arte e kit da corrida anterior. LEGENDA PARA CEGO VER: Foto dupla. Do lado esquerdo, informações sobre a retirada dos kits no Shopping West Plaza, que fica na Avenida Francisco Matarazzo, em São Paulo, entre os dias 21 e 24 de março, das 11h às 21h. Do lado direito, imagens ilustrativas de camiseta, mochila, livro, squeeze, isotônico e outros brindes. Clique na imagem para saber mais detalhes. Crédito da foto: Divulgação


São dois percursos de corrida (cinco e dez quilômetros) e outro de quatro quilômetros para caminhada.

As inscrições custam R$ 100 (mais taxas) e ainda estão abertas (clique aqui). Todos os inscritos recebem camiseta, isotônico, squeeze, toalha, sacola, livro de arte e kit da corrida anterior. Os kits devem ser retirados com apresentação de documento de inscrição, recibo de pagamento e RG.

Quem tem mais de 60 anos (completos até 31/12/2018) e pessoas com deficiência devem comprovar essas condições. Para a retirada dos kits por terceiros é necessário apresentar autorização especifica e cópia de documento de identificação do inscrito.

Os três primeiros colocados de cada modalidade (masculino, feminino, pessoas com deficiência masculino, pessoas com deficiência feminino, pessoas em cadeira de rodas) ganham troféus. Quem completar a prova recebe uma medalha.

Participantes terão acesso gratuito ao Museu do Futebol. No ano passado, mais de 12 mil pessoas integraram o evento.


IMAGEM 02: Dia Internacional da Síndrome de Down foi proposto em 21/3 pela Down Syndrome International em alusão à trissomia do 21. LEGENDA PARA CEGO VER: Logomarca do Dia Internacional da Síndrome de Down nas cores vermelho e azul. O símbolo tem o número 21 e as palavras World Down Syndrome Day. O desenho do número 2 completa um coração que tem o mapa do mundo dentro. Abaixo está o endereço www.WorldDownSyndromeDay.org. Clique na imagem para acessar a página do movimento. Crédito da foto: Reprodução

IMAGEM 03: Dia Internacional da Síndrome de Down foi proposto em 21/3 pela Down Syndrome International em alusão à trissomia do 21. LEGENDA PARA CEGO VER: Logomarca do Dia Internacional da Síndrome de Down nas cores vermelho e azul. O símbolo tem o número 21 e as palavras World Down Syndrome Day. O desenho do número 2 completa um coração que tem o mapa do mundo dentro. Abaixo está o endereço www.WorldDownSyndromeDay.org. Clique na imagem para acessar a página do movimento. Crédito da foto: Reprodução


SAIBA MAIS – Um cromossomo (ou cromossoma) é uma longa sequência de DNA com genes que determinam nossas características.

Quando não há trissomia, o ser humano têm 23 pares de cromossomos (total de 46) em cada uma das células de seu organismo. Metade estava no espermatozoide do pai e a outra metade foi carregada no óvulo da mãe. Todos reunidos no momento da fecundação, na formação da primeira célula (ovo ou zigoto), que se dividiu para gerar o novo organismo.

O último par, com os cromossomos 45 e 46, define especificamente o sexo (XX é feminino e XY é masculino). Os outros 44 cromossomos, chamados de REGULARES (ou autossomos homólogos), estão em 22 pares e definem todas as nossas outras características.

TRISSOMIA – Quando um óvulo ou espermatozoide com 24 cromossomos é unido a outro óvulo ou espermatozoide com 23, ocorre a trissomia, que aparece especificamente no cromossomo 21. Essa diferença causa a condição chamada de síndrome de Down.

HISTÓRIA – O nome é uma referência ao médico inglês John Langdon Haydon Down, o primeiro a relatar, entre os anos entre 1864 e 1866, características da ocorrência genética. Não há registros anteriores ao século 19.

John Down trabalhava na cidade de Surrey (Inglaterra), em uma clínica para crianças com atraso neuropsicomotor, e listou características físicas similares em filhos de mães acima de 35 anos, descrevendo as crianças como ‘amáveis e amistosas’.

Influenciado pela Teoria da Evolução de Charles Darwin, explicou a síndrome e estabeleceu uma teoria étnica, com sugestão para um ‘estado regressivo da evolução’. Inicialmente, as causas foram atribuídas a tuberculose, sífilis e hipotireoidismo, classificando as crianças como ‘inacabadas’.

No período anterior à identificação da alteração cromossômica, muitos pacientes foram rejeitados e aprisionados em hospitais, época marcada por grande intolerância religiosa e cultural.

Somente em 1959, os cientistas Jerome LeJeune e Patricia Jacobs determinaram a trissomia do cromossomo 21 como causa da condição, a primeira alteração cromossômica verificada na espécie humana, já chamada de ‘mongolismo’, renomeada para Síndrome de Down aproximadamente uma década depois.

Quer receber as notícias do #blogVencerLimites pelo WhatsApp? Adicione (11) 97611-6558 aos contatos e mande a frase 'VencerLimitesWhatsApp'

Quer receber as notícias do #blogVencerLimites pelo WhatsApp? Adicione (11) 97611-6558 aos contatos e mande a frase ‘VencerLimitesWhatsApp’


Mande mensagem, crítica ou sugestão para blogVencerLimites@gmail.com

Acompanhe o #blogVencerLimites nas redes sociais

Facebook Twitter Instagram LinkedIn Google+ YouTube