Dentro da história de crianças com deficiência

Dentro da história de crianças com deficiência

Criar uma conexão dos pequenos com os livros é a meta do projeto que permite montar aventuras personalizadas. Personagens podem ser cegos, usar cadeiras de rodas ou ter Síndrome de Down. Novas características são incluídas a partir dos comentários de leitores. Resultado final pode ser impresso.

Luiz Alexandre Souza Ventura

14 Abril 2017 | 12h04

Site permite transformar a criança em uma personagem. Imagem: Divulgação

Site permite transformar a criança em uma personagem. Imagem: Divulgação

Histórias de crianças com deficiência, suas descobertas, desafios, aventuras e brincadeiras ganham cada vez mais destaque em publicações nas redes sociais e em notícias. Muitos desses relatos destacam a luta contra a desinformação, os olhares reprovadores, a indiferença, o preconceito e a discriminação.

Uma oportunidade para ampliar o conhecimento sobre a rotina de crianças com deficiência, criar uma conexão dessas crianças com a leitura e ainda estimular o vínculo entre pais e filhos é o projeto ‘Dentro da História’.

O site permite transformar a criança em uma personagem, incluíndo características como cor dos olhos e da pele, tipo de cabelo e roupa, e ainda determinar se essa criança usa cadeira de rodas, aparelho para os dentes e outros equipamentos, e também se ela é cega ou tem Síndrome de Down.

O desenho personalizado é inserido em um roteiro único e enviado para impressão. Se o criador da história quiser confeccionar o livro, ele paga R$49,00 e recebe em casa.

“A inclusão esteve presente na história desde o começo numa das cenas do livro da Turma da Mônica. A partir daí começamos a receber diversos comentários de pais, relatando que ficaram felizes com essa atitude e que as crianças acabavam se identificando. Foi quando decidimos incluir novas opções aos personagens”, conta Flávio Aguiar, co-fundador da editora Dentro da História.

“As respostas foram as melhores possíveis. Sabemos que a identificação da criança com a personagem criada era muito mais marcante quando ela percebia que aquela condição física não limitava sua presença com os heróis da história, mas aumentava ainda mais seu senso de liderança e protagonismo. Os pais também adoraram. Recebemos muitas fotos dos pequenos com seus livros”, diz Aguiar.

Desenho personalizado é inserido em um roteiro único e enviado para impressão. Imagem: Reprodução

Desenho personalizado é inserido em um roteiro único e enviado para impressão. Imagem: Reprodução

Como o projeto está em constante evolução, os coordenadores avaliam sempre a inclusão de novos detalhes, como por exemplo a possibilidade da personagem ter outras deficiências físicas, sensoriais ou intelectuais.

“Ainda não temos nada planejado, mas já recebemos algumas solicitações. Aos poucos desenvolvemos novas possibilidades. Todos os comentários e pedidos são considerados e sempre estamos criando novidades”, conclui Flávio Aguiar.

A empresa tem parcerias com a Mauricio de Sousa Produções, para a criação de um livro com a Turma da Mônica, e com a TV Pinguim, para o licenciamento do desenho animado ‘O Show da Luna!’.

Acompanhe Vencer Limites nas redes sociais