‘Dia das Boas Ações’ chega ao Brasil

‘Dia das Boas Ações’ chega ao Brasil

Primeira edição no País tem programação para pessoas com deficiência. Maior movimento de voluntariado do mundo foi criado há 10 anos e mobiliza mais de 60 países para promover o bem.

Luiz Alexandre Souza Ventura

06 Abril 2016 | 14h16

———-

“Eu acredito que, se as pessoas pensarem, falarem e fizerem coisas boas, os círculos de bondade crescerão no mundo”, diz a empresária Shari Arison, idealizadora do ‘Dia das Boas Ações’, que chega pela primeira vez ao Brasil.

O movimento lançado em 2007 é organizado pela Ruach Tova (עברי) – que significa ‘bom espírito’ em hebraico -, uma parte da The Ted Arison Family Foundation, braço filantrópico do Grupo Arison. “O ‘Dia das Boas Ações’ tornou-se o principal dia da partilha e neste ano, indivíduos, crianças de escola, estudantes, soldados e empregados de muitas empresas estão se unindo para fazer o bem ao próximo”, afirma Shari Arison.

O evento é coordenado no País pela plataforma social Atados que conecta pessoas e organizações para facilitar o voluntariado. Entre os participantes brasileiros está a Sociedade Beneficente Casa da Esperança ‘Kibô-no-Iê’, entidade filantrópica de assistência e amparo à pessoa com deficiência intelectual.

A ‘Kibô-no-Iê’ vai promover uma ação batizada de ‘Uma Mudança de Olhar’, como a meta de integrar pessoas com e sem deficiência e, por meio do esporte adaptado, estimular a conscientização sobre a deficiência intelectual.

Quem for ao evento poderá conhecer o Takkyu Volley, mistura de tênis de mesa com vôlei. A modalidade foi criada em 1970 no Japão por um professor e uma criança com distrofia muscular. Consiste em uma partida entre dois times de seis integrantes cada. Os jogadores ficam sentados em volta de uma plataforma de tênis de mesa e usam raquetes adaptadas para rebater a bola por baixo da rede.

AGENDA:
Evento: ‘Uma Mudança de Olhar’ (Dia das Boas Ações)
Organização: Sociedade Beneficente Casa da Esperança ‘Kibô-no-Iê’
08/04 – Parque Julio Fracalanza (Guarulhos) – 10h às 15h
09/04 – Ginásio Poliesportivo da FIG UNIMESP (Guarulhos) – 10h às 15h
10/04 – Parque do Ibirapuera (São Paulo) – Encontro das ONGs – 9h às 15h

Saiba mais – O ‘Dia das Boas Ações’, lançado em 2007, reuniu 7 mil participantes na primeira edição, realizada em Israel. Em 2015, aproximadamente 1 milhão de voluntários participaram, em 61 países, com a inclusão de 11 mil projetos, em mais de três milhões de horas de serviço.

O movimento tornou-se global em 2011, com a inclusão de dez cidades internacionais, muitas nos EUA. Em 2012 chegou à Europa, com apoio da MTV Global. No ano seguinte, 16 mil voluntários de 50 países fizeram parte. Em 2014, o número de participantes internacionais chegou a 35 mil. No mesmo ano, somente em Israel foram 500 mil voluntários.

———-

Mais conteúdo sobre:

DiaDasBoasAçõesGoodDeedsDay