Biblioteca online para pessoas com deficiência visual

Biblioteca online para pessoas com deficiência visual

Lançada pela Fundação Dorina Nowill para Cegos, a 'Dorinateca' tem acervo em áudio, formato digital Daisy, além de arquivos para impressão em braille. Mais de 4.400 títulos serão liberados neste ano.

Luiz Alexandre Souza Ventura

07 Outubro 2015 | 11h29

———-

A tecnologia, mais uma vez, favorece a inclusão e cria acessibilidade em setores carentes de políticas e ações voltadas a pessoas com deficiência. Aliadas à educação, ferramentas digitais ajudam a transformar o mundo para melhor. Desta forma, instituições apostam cada vez mais na internet para ampliar o conhecimento e construir novos acessos.

Um exemplo dessa realidade crescente é a ‘Dorinateca’, biblioteca online acessível criada recentemente pela Fundação Dorina Nowill para Cegos. Com acervo que deve chegar a 4.400 títulos ainda neste ano, oferece livros em áudio, formato digital Daisy, além de arquivos para impressão em braille. Todo o conteúdo disponível para download está protegido para evitar pirataria. Para acessar, basta fazer um cadastro.

O projeto, viabilizado pelo Ministério da Cultura, tem patrocínio dos Parceiros de Visão (Cielo, Sanofi e Carrefour). A plataforma foi desenvolvida por Eduardo Perez e Pedro Milliet, da Results Ltda. Além do acervo que a Fundação Dorina já possui, serão editados mais 100 novos títulos de literatura nacional, estrangeira e infanto-juvenil, best-sellers e conteúdos para concursos públicos.

Segundo a pesquisa

, com 1.007 pessoas com deficiência de todo o Brasil, 73,9% citaram a internet como principal meio de comunicação onde buscam informações no dia-a-dia.

———-