Educação inclusiva premiada

Educação inclusiva premiada

Projeto da rede pública de Itanhaém, no litoral sul de SP, tem audiolivros escritos e gravados pelos alunos para colegas com deficiência, robótica sustentável para criar soluções que reduzem os impactos ao meio ambiente, além de uma parceria com a plataforma Google for Education. Iniciativa foi reconhecida pelo Instituto Smart City Business America.

Luiz Alexandre Souza Ventura

24 de agosto de 2019 | 11h17


Ouça essa reportagem com Audima no player acima ou acompanhe a tradução em Libras com Hand Talk no botão azul à esquerda.


Descrição da imagem #pracegover: Grupo de 21 alunos com e sem deficiência da rede municipal de Itanhaém, no litoral sul de SP, está em uma sala de aula, junto com uma professora. Alguns estudantes estão sentados no chão manuseando livros. Outros estão em uma mesa, com fones de ouvido, computadores e tablets. E um terceiro grupo está em outra mesa com a professora. Um estudante está em pé, em frente a um microfone, lendo um livro. Crédito: Divulgação / Prefeitura de Itanhaém.


Alunos da rede municipal de educação de Itanhaém, no litoral sul de SP, devem escrever neste ano até 160 livros, todos com histórias próprias, e gravar até 100 audiolivros com esse conteúdo. O esforço faz parte do projeto ‘Aprendizado do Futuro’, organizado pela Prefeitura da cidade.

No ano passado, o programa de inclusão digital reuniu 340 estudantes, que produziram e gravaram 60 audiolivros. Para 2019, a meta é ter participação de 440 alunos, que devem colaborar em todas as etapas, desde a elaboração da história, produção do livro, sonoplastia e efeitos especiais. O material também é usado no ensino de crianças e adolescentes com deficiência.


Descrição da imagem #pracegover: Maquete de uma área de reciclagem de materiais, com uma esteira de seleção, vários recipientes de coleta, conjuntos de papelão amarrados, um veículo de brinquedo e pequenos bonecos que representam os trabalhadores. A miniatura foi produzida por alunos da rede municipal de Itanhaém, no litoral sul de SP, que participam do projeto de robótica sustentável. Crédito: Divulgação / Prefeitura de Itanhaém.


PRÊMIO – O projeto ‘Aprendizado do Futuro’ recebeu o Prêmio InovaCidade 2019, organizado pelo Instituto Smart City Business America, durante a 7ª edição do Smart City Business Brazil Congress & Expo, em julho.

Além dos audiolivros, outras ferramentas e tecnologias são aplicadas. Professores e alunos, do 4º ao 9º ano, desenvolvem projetos com materiais recicláveis em aulas de robótica sustentável, softwares e produtos renováveis para construir soluções que reduzem os impactos ao meio ambiente.


Descrição da imagem #pracegover: Grupo de 18 professores da rede municipal de Itanhaém, no litoral sul de SP, está em uma sala, cada um em frente a um computador. Em frente aos docentes, de costas para a câmera, está um representante do Google For Education, que veste uma camisa com a logomarca da plataforma. Crédito: Divulgação / Prefeitura de Itanhaém.


É um programa de estímulo ao cognitivo, percepção, memória e raciocínio lógico. Começou em 2013 e atrela atividades às disciplinas de Matemática, Língua Portuguesa, Ciências, Geografia e História. No fim do semestre, trabalhos selecionados são exibidos na Mostra de Robótica.

A rede de educação de Itanhaém também usa a plataforma Google for Education, que tem um conjunto de ferramentas didáticas para conectar professores e alunos. A meta é estimular a criatividade dentro e fora do espaço escolar. A cidade é a primeira da Baixada Santista a ter parceria com o Google no setor.

Para receber nossas notícias direto em seu smartphone, basta incluir o número (11) 97611-6558 nos contatos e mandar a frase ‘VencerLimites’ pelo Whatsapp. VencerLimites.com.br é um espaço de notícias sobre o universo das pessoas com deficiência integrado ao portal Estadão. Nosso conteúdo também está acessível em Libras, com a solução Hand Talk, e áudio, com a ferramenta Audima. Todas as informações publicadas no blog, nas nossas redes sociais e enviadas pelo Whatsapp são verdadeiras, produzidas e divulgadas após checagem e comprovação. Compartilhe apenas informação de qualidade e jamais fortaleça as ‘fake news’. Se tiver dúvidas, verifique.


Mande mensagem, crítica ou sugestão para blogVencerLimites@gmail.com

Acompanhe o #blogVencerLimites nas redes sociais

Facebook Twitter Instagram LinkedIn YouTube


Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: