Exposição conta histórias de pessoas com doenças raras

Exposição conta histórias de pessoas com doenças raras

Mostra 'Somos Gigantes' quebra estigmas sobre a convivência com condições crônicas e graves. Dez painéis ocupam espaços nas estações Largo Treze e Adolfo Pinheiro, da Linha 5-Lilás do metrô de São Paulo.

Luiz Alexandre Souza Ventura

23 de fevereiro de 2021 | 15h25

Use 26 recursos de acessibilidade digital com a solução da EqualWeb clicando no ícone redondo e flutuante à direita, ouça o texto completo com Audima no player acima, acione a tradução em Libras com Hand Talk no botão azul à esquerda ou acompanhe o vídeo no final da matéria produzido pela Helpvox com a interpretação na Língua Brasileira de Sinais.


Foto de uma pessoa sob o mar, usando equipamentos de mergulho Crédito: Divulgação.

Descrição da imagem #pracegover: Foto de uma pessoa sob o mar, usando equipamentos de mergulho Crédito: Divulgação.


As histórias de pessoas com doenças raras ocupam espaços no metrô de São Paulo. Os painéis da mostra ‘Somos Gigantes’, expostos na Linha 5-Lilás, quebram ideias estabelecidas sobre a convivência com condições crônicas e graves, desmontam os estigmas e destacam a busca por respeito e empatia.

A exposição organizada pela ViaMobilidade com o Instituto Vidas Raras fica na estação Largo Treze até 28 de fevereiro e depois estará montada na estação Adolfo Pinheiro até 31 de março.

Neste domingo, 28 de fevereiro, o Dia Mundial das Doenças Raras lança luz sobre o tema, para despertar na sociedade um olhar de igualdade e inclusão.

A data alerta para muitas doenças que podem ser evitadas ou melhor controladas a partir de um diagnóstico precoce.

O Brasil tem 13 milhões de pessoas com doenças raras, segundo dados do Ministério da Saúde.






















REPORTAGEM COMPLETA EM LIBRAS (EM GRAVAÇÃO)
Vídeo produzido por Helpvox com a versão da reportagem na Língua Brasileira de Sinais pela tradutora e intérprete Milena Silva.


Para receber as reportagens do #blogVencerLimites no Telegram, acesse t.me/blogVencerLimites.



Tudo o que sabemos sobre:

Doenças RarasExposição

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.