Google procura profissionais com deficiência no Brasil

Google procura profissionais com deficiência no Brasil

"Estamos sempre em busca de pessoas talentosas", diz a empresa. Currículos, em inglês, devem ser enviados até o dia 1º de novembro.

Luiz Alexandre Souza Ventura

19 Setembro 2015 | 14h42

———-

O Google (empresa que dispensa apresentações) procura por profissionais com deficiência para trabalhar no Brasil. Interessados precisam acessar a área de carreiras e incluir as informações em inglês, além de enviar, na mesma página, um arquivo com o currículo, também em inglês. O cadastro pode ser feito até o dia 1º de novembro.

“No Google, não apenas aceitamos as diferenças – nós celebramos, apoiamos e prosperamos com ela, em benefício de nossos funcionários, produtos, negócios e comunidade”, diz a companhia.

As principais áreas são vendas, gerenciamento de contas, marketing, planejamento, engenharia, finanças e gestão de pessoas. “Estamos sempre em busca de pessoas talentosas”, diz a a empresa. Por isso, faça o cadastro mesmo se você tiver experiência específica. A busca é por pessoas com curso superior completo, com previsão de conclusão até dezembro de 2016, ou experiência prática equivalente. É necessário falar e escrever em português e ter inglês fluente (sugiro que você faça o cadastro mesmo que seu domínio do inglês não seja total), além de autorização legal para trabalhar no Brasil.

Ainda não foi informado quantas vagas serão preenchidas e nem quais cargos serão criados. Nesta fase do cadastro não é exigida documentação reconhecida pela legislação brasileira para comprovar a deficiência, mas isso será solicitado caso você seja selecionado. Desta forma, é bom ter essa papelada em mãos.

“Google está investindo no fortalecimento da diversidade de nossa força de trabalho, que inclui a expansão das maneiras de contratar os nossos próximos Googlers. Este programa foi concebido para estabelecer um canal para p essoas com deficiência interessadas em entrar para o Google Brasil”, explica a empresa.

———-

Mais conteúdo sobre:

GoogleTrabalho