Intérpretes de Libras celebram Orgulho LGBTQIA+ com música de Pabllo Vittar

AO VIVO

Acompanhe notícias do coronavírus em tempo real

Intérpretes de Libras celebram Orgulho LGBTQIA+ com música de Pabllo Vittar

"Ideia é jogar luz sobre a acessibilidade e a população que permanece invisível por causa da homofobia e do preconceito contra a pessoa com deficiência", diz Thyago Santos, intérprete da Língua Brasileira de Sinais e ativista queer. Versão de 'Rajadão', publicada no YouTube e no IGTV, tem participação de Rita Von Hunty.

Luiz Alexandre Souza Ventura

27 de junho de 2020 | 10h33


Ouça essa reportagem com Audima no player acima ou acompanhe a tradução em Libras com Hand Talk no botão azul à esquerda.


Descrição da imagem #pracegover: O intérprete de Libras Thyago Santos e a drag queen Rita Von Hunty estão lado a lado na tela, que tem fundo com as cores do arco-íris representando a diversidade LGBTQIA+. Thyago tem pele clara, cabelos curtos, usa chapéu preto, veste camisa vermelha, tem um bigode e um brinco de penas coloridas da orelha esquerda. Rita tem pele clara, cabelos grandes e volumosos, usa um colar de peças coloridas e veste uma blusa tomara que caia verde. Crédito: Reprodução.


Um grupo formado por pessoas surdas e intérpretes de Libras gravou uma versão traduzida da música ‘Rajadão’, de Pabllo Vittar, para celebrar o Orgulho LGBTQIA+, comemorado durante todo o mês de junho.

A iniciativa foi liderada por Thyago Santos, ativista queer e intérprete da Língua Brasileira de Sinais. “A ideia é jogar luz sobre a questão da acessibilidade, principalmente para essa parcela da população que é invisibilizada, tanto por conta da homofobia quanto pelo preconceito contra a pessoa com deficiência”, diz Thyago.

“Mostramos resistência frente a tanto preconceito e violência que sofremos diariamente. Esse mês deve ser mais comemorado do que nunca, numa época em que os direitos conquistados a tanto suor e sangue estão cada vez mais ameaçados”, afirma o ativista.

“A situação já é bastante complicada para quem tem acesso à informação em seu idioma. Imagine como deve ser para os que são privados de informação, já que a língua de sinais não é disseminada adequadamente nos meios de comunicação, mesmo sendo reconhecida pelo Estado”, destaca o intérprete de Libras.

“Temos 10,7 milhões de pessoas surdas no Brasil, mas não sabemos quantas usam Libras e nem quantas se declaram LGBTQIA+. Esse vídeo é um motor de esperança, que celebra a nossa comunidade e nos consola”, completa Thyago.

O vídeo publicado no IGTV e no YouTube tem apresentação da youtuber e drag queen Rita Von Hunty.

A sigla LGBTQIA+ (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Transgêneros ou Transexuais, Queers, Interssexuais, Assexuais e outras identidades) remete a tudo o que envolve a diversidade sexual e a expressão de gênero, tem representatividade coletiva.

Começou a ser usada, ainda com as letras LGBT, no final da década de 1980, quando ficou constatado que o termo ‘gay’ não abrangia as várias vertentes da comunidade.

Queer, palavra proveniente do inglês, é usada atualmente para identificar pessoas que não se sentem encaixadas em um padrão heteronormativo, na norma social. É considerado um termo guarda-chuva.

Se o universo da pessoa com deficiência tivesse uma sigla coletiva (assim como é LGBTQIA+), o mais próximo de uma abrangência correta seria PCDAFIMV, de pessoas com deficiências auditivas, físicas, intelectuais, mentais e visuais. Essa construção, no entanto, não parece funcional.

Stonewall – 28 de junho é o Dia do Orgulho LGBTQIA+. A data celebrada mundialmente relembra o ano de 1969, quando frequentadores do bar Stonewall Inn, em Nova Iorque (EUA), reagiram durante 48 horas às constantes batidas policiais no local e à perseguição ao integrantes da comunidade gay (denominação da época). Esse levante deu origem ao movimento que resultou na organização da primeira parada do Orgulho Gay, em 1° de julho de 1970.



Ficha Técnica:

Texto:
Lucas Luan
Rita von Hunty

Edição:
Raphael Gaiani
Vinicius Redondo
João Pacca

Make:
Wagnê Moura

Participação em Libras:
Adriano Paiva
Airam Aimé
Aline L’Astorina
Anderson Almeida
Anderson Siqueira
Andrea Silva
Andressa Silva
Carilissa Dall’Alba
Helenne Sanderson
Eduardo Rocha
Flaviane Reis
Gracy Soares
Gabriel Isaac
Germano Dutra
Graci Gracielle de Menezes
Harry Adams
Huille Oliveira Silva
Igor Mesquita
Jonathan Sousa
Jonatas Medeiros
Jonathan Alvez
Juliano Prates
Kemelly Vicente
Leonardo Castilho
Maitha Legiehn
Mirelle Legiehn
Marcos Grutzmacher
Mário Augusto
Marcos Marquioto
Ramon Linhares
Raphael do Anjos
Rejane Silvéria
Simone Ferrari
Ricieri Palha
Sidnei costa
Timótheo
Toni Demambro
Willian Belarmino

View this post on Instagram

MÊS DO ORGULHO LGBTQIA+ 🌈 Amo vocês e a gente existe! @pabllovittar Esse vídeo tá muito lindo e eu só quero agradecer a todo mundo que topou participar e de quem fez o vídeo ficar brilhante: ao @lksluan e a @rita_vun_hunty pelo texto e ao Raphael Gaiani @raphaelgaiani, Vinicius Redondo @viniredondo e João Pacca @joaopacca pela edição bapho do vídeo, ao @wagnemoura pela make babadeira e aos que abrilhantaram na libras: Adriano Paiva @adriano.shine Airam Aimé @sobre.posicoes Aline L'Astorina @alinelastorina Anderson Almeida @el_almeida Anderson Siqueira @prof.andersonsiqueira Andrea Silva @dea_byna Andressa Silva @dessasam Carilissa Dall'Alba @carilissa Helenne Sanderson @lenny3om Eduardo Rocha @eduardo_surdo Flaviane Reis @flavianereis29 Gracielle de Menezes @pretagraci Gracy Soares @gracy_paulista Gabriel Isaac @isflocos Germano Dutra @surdocult Graci Gracielle de Menezes @pretagraci Harry Adams @hharryadams Huille Oliveira Silva @uill.tils Igor Mesquita @procurandooigoor Jhonatas Narciso @jhon_narciso Jonatas Medeiros @jonatasmedeiros_ Jonathan Alvez @jhonnyalvez Juliano Prates @julianopratez Kemelly Vicente @kemellyvicente Leonardo Castilho @leocastilho Maitha Legiehn @malegiehn Mirelle Legiehn @milegiehn Marcos Grutzmacher @marcos.grutz Mário Augusto @marioaugustolibras Marcos Marquioto @mquioto Ramon Linhares @ramon_sal8 Raphael do Anjos @raphaelanjos Rejane Silvéria @rejanesilveriadasilva Simone Ferrari @ferrari_surfista Ricieri Palha- @ricieripalha Sidnei costa @librasorixas Timótheo @timmy_tilsp Toni Demambro @tonidemambro Willian Belarmino @will.bbelarmino #pride #lgbtq🌈 #libras #deaf

A post shared by Thyago Santos (@thyagossantos) on

____________________________________________

Para receber as reportagens do #blogVencerLimites no Whatsapp, mande ‘VENCER LIMITES’ para +5511976116558 e inclua o número nos seus contatos. Se quiser receber no Telegram, acesse t.me/blogVencerLimites.

VencerLimites.com.br é um espaço de notícias sobre o universo das pessoas com deficiência integrado ao portal Estadão. Nosso conteúdo também está acessível em Libras, com a solução Hand Talk, e áudio, com a ferramenta Audima.

Todas as informações publicadas no blog, nas nossas redes sociais, enviadas pelo Whatsapp ou Telegram são produzidas e publicadas após checagem e comprovação. Compartilhe apenas informação de qualidade e jamais fortaleça as ‘fake news’. Se tiver dúvidas, verifique.

Mande mensagem, crítica ou sugestão para blogVencerLimites@gmail.com. E acompanhe o #blogVencerLimites nas redes sociais:
Facebook.com/VencerLimites
Twitter.com/VencerLimitesBR
Instagram.com/blogVencerLimites

____________________________________________

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: