Propostas de Dilma e Aécio para pessoas com deficiência

Propostas de Dilma e Aécio para pessoas com deficiência

Apesar de não ser mencionado em nenhum debate, o tema 'pessoas com deficiência' é citado nas campanhas dos dois candidatos à Presidência da República. Ambos estabelecem metas e fazem promessas, tudo registrado em seus respectivos programas de governo.

Luiz Alexandre Souza Ventura

20 Outubro 2014 | 15h54

Curta Facebook.com/VencerLimites
Siga @LexVentura
Mande mensagem para blogvencerlimites@gmail.com
O que você precisa saber sobre pessoas com deficiência

Imagem: Reprodução

Na reta final da campanha presidencial, Dilma Rousseff e Aécio Neves jogam todas as cartas e sacam todas as armas, de olho (e corpo inteiro) na eleição. Sobram acusações e faltam propostas para o País que segrega o acesso a Saúde, Educação, Transporte e Lazer, no qual cidadãos com deficiência são impedidos de exercer a plena cidadania.

A eleição é só no domingo, mas o descaso é histórico. Haverá mudança neste aspecto, conforme ambos prometem?

Aécio e Dilma têm, em seus programas de governo, propostas específicas para pessoas com deficiência.

No site de campanha da candidata petista, o eleitor pode apresentar sugestões. A página também ressalta as ações do governo atual. “O Progama de Assistência a Pessoas com Deficiência lançado pela presidenta Dilma Rousseff teve por objetivo construir políticas públicas para garantir direitos das pessoas com deficiência, considerando suas múltiplas necessidades e o combate à segregação. As políticas públicas foram estruturadas em quatro eixos: Acesso à Educação; Inclusão social; Atenção à Saúde e Acessibilidade”, detalha a página. Segundo a campanha, no eventual segundo mandato de Dilma, o compromisso assumido será mantido.

Na página de campanha do candidato do PSDB, o programa batizado de ‘Brasil Acessível’ promete “financiar obras de acessibilidade e a construção de centros de reabilitação para pessoas com deficiência, em parceria com Estados e municípios”. Três são as principais ações da proposta: “estimular prefeituras e gestões estaduais a adotar iniciativas que atendam pessoas com deficiência”, “financiar municípios que apresentem projetos de acessibilidade” e o “financiamento de compra de equipamentos para o tratamento de pessoas com deficiência”.

No último dia 20 de setembro, a propaganda eleitoral gratuita da petista que foi ao ar no período noturno destacou o programa ‘Viver sem Limite’ e outros aspectos. O vídeo não tem legenda ou tradução para Libras, seguindo a rotina de todos os pronunciamentos da presidente Dilma, que não apresentaram, até este momento, recursos de acessibilidade.

No site da campanha de Aécio também há um vídeo (legendado e com tradução para Libras) com as propostas para pessoas com deficiência.

É fato que ainda há muito a fazer no Brasil quando se fala em pessoas com deficiência, inclusão, integração, acessibilidade, etc. Nos debates entre os candidatos, não houve, até agora, nenhuma palavra sobre o tema. Essa ‘estratégia’ pode nos mostrar até que ponto esses cidadãos serão contemplados e se as propostas apresentadas por Dilma e Aécio têm real possibilidade de concretização.

No domingo, dia 26, iremos novamente às urnas. O mínimo que devemos saber é quais são as prioridades de cada candidato. E escolher aquele que entendemos ser o mais apropriado para mudar e melhorar nossa realidade.

Vote com consciência e, após a eleição, saiba cobrar do eleito o que foi prometido. É a essência da cidadania.