Sertanejo inclusivo

Sertanejo inclusivo

Dupla Cezzar & Rodolfo publica vídeos com tradução para Libras e dá exemplo. Ação de artistas mineiros ganhou destaque nas redes sociais.

Luiz Alexandre Souza Ventura

24 Novembro 2016 | 14h40

Música Anjos, com tradução para Libras, fez sucesso nas redes sociais. Imagem: Reprodução

Música ‘Anjos’, com tradução para Libras, fez sucesso nas redes sociais. Imagem: Reprodução


“Todo artista tem de ir aonde o povo está”, canta Milton Nascimento em ‘Nos bailes da vida’. O ensinamento que Bituca transformou em música, há 35 anos, é atemporal. E, para a dupla sertaneja Cezzar & Rodolfo, a aproximação com o público deve contemplar todos os fãs e, com uso de todas as ferramentas que garantam esse acesso.

Recentemente, os artistas mineiros ganharam destaque pela publicação de seus vídeos com tradução para Língua Brasileira de Sinais. O trabalho é feito por Delmir Rildo Alves, especialista em Libras e que atua no setor de acessibilidade cultural.

“Não restringimos apenas à interpretação em Libras, também descrevemos as imagens para pessoas cegas. E incluímos audiodescrição nos vídeos”, diz o tradutor.

Alves afirma que a dupla tem recebido mensagens de pessoas surdas, familiares e de pessoas que estudam Libras, elogiando o trabalho. “É fundamental que artistas pensem na importância da acessibilidade”, destaca o especialista, que mantém uma página no Facebook sobre educação em Libras.


Cresce procura por intérprete de Libras nas empresas

Acompanhe o blog Vencer Limites nas redes sociais