Sob chuva de fogo

Sob chuva de fogo

Lei de Cotas completa 29 anos, consolidada e resistindo a ataques.

Luiz Alexandre Souza Ventura

24 de julho de 2020 | 10h15


Ouça essa reportagem com Audima no player acima ou acompanhe a tradução em Libras com Hand Talk no botão azul à esquerda.


Descrição da imagem #pracegover Foto da mão direita de um homem, com atrofias, segurando com um alicate velho e enferrujado uma carteira de trabalho bastante desgastada. A imagem é iluminada pela luz do sol. Crédito: blog Vencer Limites.


A Lei de Cotas (n° 8.213/1991) completa hoje, 24 de julho, 29 anos. Consolidada, segue resistindo a ataques, mantém sua importância, sob chuva de fogo.

Modificou o mercado de trabalho para melhor ao incluir, na força, profissionais com deficiência. Transformou o ambiente corporativo e comprovou a necessidade da prática inclusiva para a evolução das empresas, dos serviços e produtos oferecidos a todos.

Não se trata apenas de acessibilidade, algo básico, mas de compartilhar diferentes experiências de vida, ampliar o conhecimento sobre como alcançar igualdade e equivalência para conhecer e atender a real necessidade de cada um.

Apesar dos avanços, profissionais com deficiência ocupam menos de 1% das vagas formais de trabalho no Brasil, o que comprova a necessidade de fortalecer e ampliar a inclusão.

Continuamos vigilantes e reagimos, especialmente na pandemia.

____________________________________________

Para receber as reportagens do #blogVencerLimites no Whatsapp, mande ‘VENCER LIMITES’ para +5511976116558 e inclua o número nos seus contatos. Se quiser receber no Telegram, acesse t.me/blogVencerLimites.

VencerLimites.com.br é um espaço de notícias sobre o universo das pessoas com deficiência integrado ao portal Estadão. Nosso conteúdo também está acessível em Libras, com a solução Hand Talk, e áudio, com a ferramenta Audima.

Todas as informações publicadas no blog, nas nossas redes sociais, enviadas pelo Whatsapp ou Telegram são produzidas e publicadas após checagem e comprovação. Compartilhe apenas informação de qualidade e jamais fortaleça as ‘fake news’. Se tiver dúvidas, verifique.

Mande mensagem, crítica ou sugestão para blogVencerLimites@gmail.com. E acompanhe o #blogVencerLimites nas redes sociais:
Facebook.com/VencerLimites
Twitter.com/VencerLimitesBR
Instagram.com/blogVencerLimites

____________________________________________

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: