Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

181 vai avisar sobre fraude no hidrômetro

Disque-Denúncia de ?gatos? pode fazer Sabesp economizar R$ 26 mi

Marcela Spinosa, O Estadao de S.Paulo

22 de abril de 2009 | 00h00

O combate às fraudes em ligações clandestinas de água contará com mais um aliado nos próximos dias. Denúncias de uso irregular de água poderão ser feitas diretamente ao Disque-Denúncia, pelo número 181, mantido pelo Instituto São Paulo Contra a Violência. A ligação é gratuita, com garantia de sigilo absoluto. O termo de parceria entre a entidade e a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) será assinado hoje, às 15 horas.O objetivo da parceria é reduzir o número de "gatos". Só no ano passado, em 155.569 vistorias técnicos da Sabesp foram descobertas irregularidades em 21.165 imóveis. Isso representa um total de 5 bilhões,456 milhões e 252 mil litros de água desviados, conforme mostrou o Estado em janeiro deste ano. Esse volume é suficiente para abastecer mensalmente uma cidade com 1,5 milhão de habitantes, como Guarulhos. E ainda sobrariam litros para atender a demanda da população de Suzano, na Grande São Paulo, com 270 mil habitantes. Com a regularização dos "gatos", a Sabesp arrecadaria R$ 26,1 milhões por ano. O levantamento da Sabesp mostrou que o fraudador nem sempre é aquele que tem dificuldades para pagar a conta de água. Isso porque as ligações clandestinas são comuns tanto em bairros nobres, como Higienópolis, na região central, quanto na periferia, como em São Mateus, na zona leste. A região oeste da capital, por exemplo, teve 3.434 fraudes, menos da metade das registradas na zona leste. O proprietário de um restaurante em Moema, na zona sul, por exemplo, teve de pagar R$ 70 mil à companhia depois que foi descoberta a fraude no hidrômetro.Quando os técnicos detectam a fraude, a pessoa recebe um auto de intimação e tem cinco dias para se regularizar. Um sistema calcula o quanto de água deixou de ser pago e seu valor. Isso é possível porque há o histórico de cada imóvel nos últimos cinco anos. Não há cobrança de multa. Para denunciar uma fraude, o consumidor poderá ligar para o telefone 181 por meio de um telefone fixo, celular ou público. NÚMEROS5,4 bilhõesde litros de água foram desviados somente em 2008, levando em conta as irregularidades descobertas nas 155.569 vistorias feitas pela Companhia de Saneamento Básico do Estado21.165 imóveisapresentaram problemas. Quando os técnicos detectam a fraude, a pessoa recebe um auto de intimação e tem cinco dias para se regularizar. Um sistema calcula o quanto de água deixou de ser pago e seu valor. Não há multa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.