300 presos estão rebelados em Franco da Rocha

Cerca de 300 presos do presídio deFranco da Rocha, na Grande São Paulo, mantêm três carcereiroscomo reféns desde as 18h30. Houve um princípio de incêndio noPavilhão 3, e três viaturas do corpo de bombeiros foram enviadasao local. O motivo da rebelião seria uma briga entre facções. Umrádio-comunicador, usados por um dos reféns, está sendoutilizado na negociação com o diretor do presídio. Os presoscolocaram fogo em vários colchões e destruíram partes de algumascelas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.