45% dos brasileiros não queriam Copa no Brasil, diz pesquisa

Levantamento mostra que, apesar de rejeição, 75% pretende assistir aos jogos do Mundial

Fabiana Cambricoli, O Estado de S.Paulo

11 de junho de 2014 | 13h00

Cerca de 45% dos brasileiros são contra a realização do Copa do Mundo no Brasil, mas 75% diz que pretende assistir aos jogos do Mundial, revela pesquisa feita pelo Instituto Data Popular divulgada nesta quarta-feira, 11.

Entre as diferentes faixas etárias, os jovens são os maiores opositores à realização do torneio esportivo no Brasil. Segundo a pesquisa, 52% dos entrevistados entre 16 e 24 anos disseram ser contrários ao evento. Já entre os brasileiros maiores de 60 anos, o índice cai para 41%.

O indicador também apresenta grande variação entre pessoas de diferentes classes sociais. No grupo que recebe mais de dez salários mínimos, 52% não queriam o torneio no Brasil. Entre os que têm renda de um salário mínimo, os insatisfeitos representam 38%.

A região Sul é a que apresenta a maior oposição à Copa, com 52% dos seus habitantes contrários ao torneio. A Norte é a que tem o menor índice de rejeição (41%). 

Apesar dos altos índices de brasileiros contrários ao evento no País, 88% dos entrevistados disseram que vão torcer pela seleção brasileira durante a Copa. A pesquisa teve 5.324 entrevistados em 192 cidades brasileiras.

Mais conteúdo sobre:
copa do mundopesquisa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.