5 mortos na 2ª chacina em 48 h

Crime aconteceu na zona leste de São Paulo; anteontem, outras cinco pessoas haviam sido mortas em Osasco

Jones Rossi, O Estadao de S.Paulo

17 de novembro de 2007 | 00h00

Cinco pessoas, entre 15 e 25 anos, foram assassinadas na noite de anteontem na casa de número 1 da Rua Astrogildo Cintra, em Cangaíba, zona leste de São Paulo. É a 11ª chacina registrada na capital este ano, totalizando 46 mortos. Contando a região metropolitana, já são 22 crimes do tipo e 91 mortos.Segundo testemunhas, dois homens desceram a pé pela rua até chegar na casa onde estavam todas as vítimas. Com vários disparos, mataram Welber Germano de Lima, de 15 anos; Cleber da Silva, de 20; Italo Pacifico Santa Chiara, de 25; Gustavo Manoel Perrone, de 20, e Jessika Graziele Paes Ramon, de 20, moradora da casa. Jessika e Gustavo foram encontrados mortos no quintal. Os outros três corpos estavam na calçada logo em frente da casa. O tio de Jessika, que estava dentro da residência, afirmou à polícia ter ouvido os assassinos dizerem "Ajoelha, ajoelha!", antes de os disparos começarem. A polícia encontrou em um armário que fica nos fundos da casa 34 embalagens de maconha, 49 com cocaína e 28 pedras de crack. Segundo um dos vizinhos, que não quis identificar-se, Jessika teve um namorado que foi morto há cerca de dois meses. O caso está sendo investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção da Pessoa (DHPP), da Polícia Civil.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.