Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

80 mil pessoas sem ônibus por causa de greve em SP

Parte dos motoristas e cobradores da Viação Paratodos continuam em greve, segundo informou a assessoria de imprensa da São Paulo Transporte (SPTrans), empresa que gerencia o sistema de ônibus na capital. Eles decidiram pelo movimento no início da madrugada, durante uma assembléia. Apenas os funcionários da garagem número 2, localizada na Rua Genario de Carvalho, na Vila Santa Catarina, zona sul, entraram em greve como forma de protesto contra três demissões feitas pela empresa e punições impostas a empregados. Pela manhã um grupo de aproximadamente duzentos funcionários realizou uma manifestação na porta da garagem. Um plano de emergência foi acionado pela SPTrans que colocou em circulação 86 veículos para tentar suprir a demanda de passageiros. Os ônibus da garagem 2 transportam diariamente 83 mil pessoas em 201 carros operando 10 linhas.

Agencia Estado,

29 de outubro de 2003 | 14h40

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.