90% das câmeras da CET serão consertadas

Quase 90% das câmeras da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) terão de ser retiradas para manutenção nos próximos meses. Há 289 na capital e 254 irão para o laboratório da empresa contratada para o serviço. A CET não disse quantas câmeras funcionam atualmente. As informações são do edital da concorrência feita para contratar a empresa. Segundo ele, as estruturas que mantêm as 254 têm elementos "defeituosos e ausentes". A Petcom Peltier, que venceu a concorrência com lance de R$ 9,8 milhões, tem nove meses para entregar o serviço. O valor inclui manutenção por 24 meses. "Nosso interesse é realizar em menos tempo", diz Mário Moreira, diretor da empresa. Em dez dias , a contratada deverá entregar um cronograma à Prefeitura. As retiradas vão ocorrer nas seis Centrais de Tráfego de Área - que controlam os semáforos e os sistemas de vigilância da cidade - e nas cinco centrais de monitoramento de túneis. Em locais como o Túnel Fernando Vieira de Mello, em Pinheiros, está prevista a remoção de todas as câmeras;[ ] outros 14 lugares estão na lista. A Secretaria de Transportes e a CET não se pronunciaram.

Vitor Sorano, O Estadao de S.Paulo

27 Agosto 2008 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.