Abalos no Brasil são mais leves

O Brasil não registra grandes terremotos porque se encontra no centro da placa tectônica Sul-Americana. Os tremores mais intensos são sentidos em regiões sobre a área de encontro da placa, como no Chile. O técnico do Laboratório de Sismologia do Instituto de Astronomia e Geofísica (IAG) da USP José Roberto Barbosa explica que o abalo de ontem ocorreu por causa de uma falha. "As bordas da placa estão em constante atrito com a Placa de Nazca. E, como o solo é dividido em camadas heterogêneas, pode haver fissuras que acumulam a energia dos atritos. Em algum momento, essa energia é liberada e provoca o tremor."O instituto já teve algumas estações em Minas, mas não na região de Itacarambi. "Os sismos brasileiros significativos não se repetem muito no mesmo local. E, às vezes, as universidades não têm suporte para permanecer na área por muito tempo", diz.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.