Aberta a reunião entre Alckmin e lideranças do PT

A reunião entre o governador Geraldo Alckmin e as lideranças do PT começou por volta das 23h30 de hoje no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo do Estado, no Morumbi, zona sul da capital. Segundo informou a Rádio Eldorado AM, participam do encontro, além do governador, o secretário de Segurança Pública, Marco Vinício Petrelluzzi, o comandante-geral da Polícia Militar, Rui Cesar Melo, a prefeita de São Paulo, Marta Suplicy, o presidente nacional do PT, deputado José Dirceu, o senador Eduardo Suplicy, além de alguns prefeitos do Interior.O vice-prefeito de Santo André, João Avamileno, entregou um documento ao governador, mas a imprensa ainda não teve acesso a seu conteúdo. As lideranças foram ao encontro de Alckmin para pedir providências contra a violência e a agilidade nas investigações para a solução do sequestro do prefeito de Santo André, Celso Daniel.A reunião começou atrasada porque o mau tempo impediu que o governador usasse o helicóptero em Guapiaçu, a 450 quilômetros de São Paulo, onde participou da entrega de equipamentos com o ministro da Justiça Aloysio Nunes Ferreira, para chegar à capital. Ele teve de usar um avião e descer no Aeroporto Internacional de Cumbica, Guarulhos. No Palácio, por volta das 22 horas, já esperavam por ele, o senador Eduardo Suplicy, seis deputados federais e sete estaduais, dez prefeitos, entre eles a prefeita de Campinas, Izalene Tiene (PT), além de dois vice-prefeitos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.