Acidente ainda deixa trânsito lento na Anhangüera

A lentidão na Rodovia Anhangüera, por volta das 10 horas desta segunda-feira, 23, se encontrava apenas na pista sentido interior, segundo a concessionária Autoban, empresa que administra a rodovia, devido a um acidente ocorrido às 2h15 em que um caminhão derrubou uma passarela de concreto. O congestionamento estava concentrado entre os quilômetros 12 e 15, onde o tráfego era desviado para a estrada Turística do Jaraguá para, no quilômetro 18, retornar à Anhangüera, que permanecia interditada na altura do quilômetro 17.O motoristas que seguiam em direção a São Paulo pela via encontravam lentidão na altura do quilômetro 22, onde o tráfego estava sendo desviado para o Rodoanel e, posteriormente, para a Rodovia dos Bandeirantes. O acidente aconteceu porque o motorista do caminhão teria dormido ao volante; ferido, foi levado ao pronto-socorro do Hospital Regional de Osasco. Segundo informações da Polícia Rodoviária, o veículo seguia no sentido interior-capital quando atingiu uma das vigas de sustentação da passarela de concreto, quase toda sua estrutura veio abaixo, localizada na altura do quilômetro 17.Após o acidente, a pista da Anhangüera ficou interditada nos dois sentidos entre os quilômetros 11 e 22, na região de Osasco. Por volta das 7h30, segundo a Autoban, a pista sentido interior da Anhangüera foi liberada ao tráfego até o km 16. Caminhão explode na AnhangüeraUm caminhão pegou fogo, por volta das 8 horas, na altura do quilômetro 37 da Rodovia Anhangüera, na altura de Cajamar, pista sentido interior. O motorista do caminhão não teve ferimentos e o fogo foi controlado rapidamente, segundo a concessionária Autoban. Não houve interdição de pista nem congestionamentos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.