Acidente deixa Anhanguera interditada

Um acidente ocorrido às 22 horas desta sexta-feira na Via Anhanguera deixou uma pessoa morta e a rodovia interditada por tempo indeterminado. A colisão entre um caminhão caçamba e um caminhão tanque carregado com 23 mil litros de Amônia, aconteceu no quilômetro 424 da rodovia, a 2 Km do trevo de Buritizal. O trânsito foi desviado para uma estrada de terra no meio de um canavial.O caminhão com Amônia estava parado no acostamento quando foi atingido na traseira. Com o choque, o motorista do Caçamba, Ricardo Rodrigo de Souza, de 22 anos de idade, morreu na hora, preso às ferragens. Devido ao vazamento da Amônia, o corpo do motorista somente foi retirado do local 12 horas depois. Pelo mesmo motivo, a pista da Anhanguera, sentido Capital/Interior continua interditada, sem previsão para liberação. O Corpo de Bombeiros de Ribeirão Preto está no local esperando a transferência do produto restante no taque acidentado, que poderá durar pelo menos mais 5 horas.A causa mais provável para o acidente é que o motorista que morreu tenha dormido ao volante. O local é uma meia subida em linha reta, com bastante visão e bem sinalizada. Fica a 4 Km onde em setembro de 2001, 14 idosos que iriam passar o final de semana em Caldas Novas perderam a vida no capotamento do ônibus em que estavam.

Agencia Estado,

19 de abril de 2003 | 13h45

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.