AO VIVO

Acompanhe notícias do coronavírus em tempo real

Acidente entre caminhões mata motorista carbonizado

Um caminhão com uma carga de 20 toneladas de cloro explodiu na tarde desta quinta-feira na Rodovia Castelo Branco, altura do município de Mairinque, depois de ser atingido na traseira por uma carreta-tanque, carregada com álcool anidro. O produto químico estava acondicionado em bombas plásticas que, com o impacto, se romperam e liberaram gases. O material entrou em combustão.O condutor do caminhão teve tempo de sair do veículo antes da explosão e escapou ileso. O motorista da carreta, com placas de Osasco, ficou preso nas ferragens e morreu carbonizado.O acidente, ocorrido no km 67 da rodovia, causou a interdição total da pista no sentido capital-interior, por mais de duas horas. A fila de veículos parados estendeu-se por 10 quilômetros. O trânsito que seguia de São Paulo em direção ao interior, passou a ser desviado para a Rodovia Raposo Tavares, pelo acesso de São Roque, no km 54. As chamas do caminhão de cloro atingiram o mato na beira da estrada e se espalharam avançando cerca de dois quilômetros mata a dentro. Bombeiros de Sorocaba, Itu e São Roque foram mobilizados para combater as chamas. Cerca de 30 homens, com 10 viaturas trabalharam para controlar o incêndio. O acidente mobilizou também a Polícia Florestal e técnicos da Cetesb. O álcool, que não chegou a vazar, foi transferido para o tanque de outro veículo.

Agencia Estado,

07 de outubro de 2004 | 21h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.