Acidente mata suspeito de executar vereador

Um dos homens acusados de executar o vereador Evaldo José Nalin (PSDB), de Analândia, interior de São Paulo, morreu nesta segunda-feira, após ser atropelado por um carro em Carapicuíba. André Picanto tinha prisão preventiva decretada e era considerado foragido. Segundo a PM, ele teve de parar o carro no acostamento de uma rodovia para trocar um pneu e foi atingido por um carro desgovernado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.