Acidente na rede aérea complica linhas da CPTM

As composições da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) circulam com problemas em duas linhas da empresa na manhã desta terça-feira em São Paulo. Segundo a assessoria de imprensa da empresa, um pantógrafo se enroscou na rede aérea entre as estações Júlio Prestes e Barra Funda (linha B) e os trens estão tendo que circular alternadamente por uma única via. Acidente semelhante aconteceu entre as estações de Rio Grande da Serra e Mauá (linha D), na região do Grande ABC paulista. Naquele trecho, as composições também estão tendo que trafegar uma por vez em uma só linha. Por causa desses problemas, no horário de pico, os trens circularam com cerca de 15 minutos de atraso. De acordo com a assessoria, não houve incidentes e a situação deve ser normalizada até às 11 horas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.