Divulgação
Divulgação

Acre registra cinco ataques; casas de policiais são atingidas

Onze pessoas foram presas na madrugada desta sexta e um adolescente foi apreendido

Itaan Arruda, Especial para O Estado

19 de agosto de 2016 | 15h28
Atualizado 19 de agosto de 2016 | 17h20

RIO BRANCO - Cinco ataques realizados por facção criminosa no Acre foram registrados madrugada desta sexta-feira, 19. Há relatos de tiros contra a casa de um policial militar na capital. Em outra região de Rio Branco, criminosos jogaram coquetel molotov na casa de um agente. Não houve feridos e o fogo não se alastrou.

A polícia realizou 11 prisões nesta madrugada. Em audiência de custódia realizada na tarde de quinta-feira, 18, a Justiça manteve 30 pessoas presas, envolvidas diretamente com os atentados. Outros dois homens que haviam sido presos foram liberados porque não tiveram participação nos crimes.

Um adolescente que gravou mensagens de ameaça foi apreendido. A expectativa recai agora para o trabalho da polícia durante o fim de semana.

O efetivo da noite desta sexta-feira será de 444 policiais. Parte da tropa ficará no presídio federal Antônio Amaro. No sábado, haverá, de acordo com o governo, aumento de mais 130 policiais da reserva.

Tudo o que sabemos sobre:
BRANCOAcreRio Branco

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.